Tive briguinhas com a torcida, mas nunca neguei meu amor, diz Sobis

0
239

Na apresentação desta terça-feira, o atacante Rafael Sobis fez questão de encerrar um assunto que o deixou triste e mexeu com a sua vida há três anos. Ele lembrou das fortes vaias que sofreu por parte da torcida do Inter na semifinal da Libertadores atuando pelo Tigres no Beira-Rio.

“No meio do caminho, tivemos umas briguinhas. Tipo casal, mas nunca neguei meu amor. Sei que eles gostavam de mim. Talvez, por eu usar outra camisa. Normal, pois defendi outras cores e cada um defendia a sua”, resumiu Sobis.

Apesar de demonstrar certo incômodo, o atacante tocou no tema para encerrar qualquer tipo de ressentimento que tenha ficado no episódio. Depois de dar o passe para o gol no segundo tempo de partida e ter motivando os mexicanos segurando o lateral Geferson pelo pescoço, em um lance na lateral, Sobis deixou o gramado aos 41 minutos do segundo tempo e foi fortemente vaiado. Posteriormente, Sobis revelou que até o seu filho sofreu ameaças no estádio do Colorado. Porém, o momento é outro e o atleta de 33 anos quer seguir a vida.

“Estou muito feliz de retornar. O novo Beira-Rio é o estádio mais bonito do país e o melhor gramado. Não só para mim, mas para todos que conviviam comigo pensavam igual. É uma oportunidade única para desfrutar de tudo isso e estar ao lado da torcida que sempre amei e respeitei. A partir de agora é um novo capítulo e venho para vencer. Vou ser cobrado e vou me preparar para isso”, declarou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui