George R.R. Martin revela detalhes sobre série prelúdio de “Game of Thrones”

0
173
Casa Stark estará presente na trama | Foto: Divulgação / HBO / CP

A série derivada de “Game of Thrones” teve novos detalhes revelados pelo autor George R.R. Martin, em entrevista ao Entertainment Weekly. O spin-off, que se passará cinco mil anos antes dos acontecimentos da série original, já está sendo filmado na Irlanda do Norte.

Conforme o escritor, Westeros será bem diferente nesta época, uma vez que o continente não será dividida entre os reinos conhecidos. “Havia sete reinos na época da conquista de Aegon (Targaryen). Mas se você voltar mais, haverá nove, 12 reinos, e eventualmente há uma centena de reinos – pequenos – e essa é a Era que estamos falando aqui”, contou.

Já a segunda revelação demonstra um ponto em comum entre as duas produções: a Casa Stark. A presença da família já era esperada, uma vez que são descendentes de uma das figuras centrais da trama, os Primeiros Homens. “Os Starks definitivamente estarão na série. Obviamente os White Walkers também, além de criaturas como lobisomens e mamutes”, comentou Martin.

Entre as famílias já famosas de “GoT”, os Lannisters devem ficar de fora. Apesar disso, existem rumores de que a narrativa possa abordar a ascensão da família. “Os Lannisters ainda não estão lá, mas o Rochedo Casterly está certamente”, disse o autor, se referindo a sede da Casa dos Lannisters.

Além disso, o Martin também afirmou que a nova série não terá protagonistas, mas vários núcleos de personagens com a mesma importância na história. O elenco já foi definido e conta com nomes como Naomi Ackie e Jamie Campbell Bower.

De acordo com a sinopse divulgada, o prelúdio irá narrar o declínio do mundo, da Era de Ouro dos heróis. Ainda sem título oficial, George R.R. Martin havia sugerido “The Long Night”, mas ideia foi recusada pela HBO devido ao terceiro episódio da última temporada que leva o mesmo nome. “Eu ouvi uma sugestão de que poderia ser chamada de “The Longest Night”, que é uma variante que eu não me importaria”, sugeriu o autor em contra partida.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui