Novos voos regionais começam a operar no RS dia 20 de setembro

0
147

Vinte de setembro. Uma das datas mais importantes da história do Rio Grande do Sul voltará a ser marcada, 184 anos depois do começo da Revolução Farroupilha, pelo início das novas rotas de voos comerciais regionais no Estado. No próximo 20 de setembro, decolarão os primeiros aviões da Two Flex de Bagé e de Santa Rosa rumo a Porto Alegre, sob administração da Gol Linhas Aéreas. Até 20 de dezembro, Rio Grande, São Borja, Santana do Livramento e Passo Fundo também serão atendidas pelo transporte aéreo.

O cronograma foi divulgado pelas companhias nesta quinta-feira (25/7), em cerimônia realizada no Salão Alberto Pasqualini, no Palácio Piratini, com presença do governador Eduardo Leite, do vice-governador Ranolfo Vieira Júnior, do presidente da Gol, Paulo Kakinoff, do presidente da Two Flex, Rui Aquino, e do presidente da Frente Parlamentar da Aviação Civil Regional na Assembleia Legislativa, deputado Frederico Antunes.

“Um grande Estado como o nosso precisa de investimentos em logística que permitam aproximar e integrar as regiões, de forma que o melhor que o Estado tem, que é a sua gente, possa estar próximo dos grandes centros e, assim, todo o seu talento e a sua capacidade possam ser melhor aproveitados”, destacou o governador. “Por isso, além de projetos para rodovias, ferrovias e hidrovias, o incentivo à aviação regional é determinante para o desenvolvimento do Rio Grande.”

Até o final deste ano, haverá de três a seis voos semanais, com duração de 55 minutos a duas horas, operando nas seis cidades gaúchas. Os aviões utilizados serão Cessna 208, com capacidade para nove passageiros. As passagens começarão a ser vendidas no dia 6 de agosto no site da Gol, com valores a partir de R$ 400 para cada trecho.

Conforme o presidente da Gol, Paulo Kakinoff, a parceria com a Two Flex, em que uma é responsável pela administração e venda dos bilhetes e a outra, pela operação dos aviões, é inédita no país. Isso foi possível graças a uma das medidas assinadas pelo governador no início do mês (Decreto 54.686), que passou a permitir que as companhias exercessem as atividades no Rio Grande do Sul por meio de contratos comerciais com terceiros. “Cria uma capilaridade e democratiza o acesso ao transporte aéreo com a garantia e o suporte de uma grande companhia”, afirmou Kakinoff.

O deputado Frederico Antunes acrescentou que a capilaridade vai se estender, inclusive, para fora do país, já que o voo para Santana do Livramento pousará no município vizinho de Rivera, no Uruguai. “Vamos integrar ainda mais o Mercosul e promover o desenvolvimento de ambos os países”, ressaltou.

CALENDÁRIO
Datas anunciadas pela Gol para o início das operações nas cidades gaúchas:

20 de setembro: Bagé e Santa Rosa
9 de novembro: Rio Grande
21 de novembro: São Borja
16 de dezembro: Santana do Livramento
20 de dezembro: Passo Fundo

Mais destinos em 2020

Assim como outras companhias aéreas, a Gol adiantou que, em 2020, pretende ampliar destinos e ofertas de voos no Estado. A partir de 1º de janeiro, entra em vigor o Decreto 54.685, que prevê a redução da base de cálculo do ICMS na compra de querosene de aviação no Rio Grande do Sul para até 2%, dependendo da quantidade de rotas ofertadas, a disponibilidade de assentos e a frequência de voos.

Quando esse benefício passar a vigorar, conforme representantes da Gol e da Azul Linhas Aéreas, que opera com seis voos regionais no Estado, as empresas pretendem ampliar a oferta de voos e de municípios gaúchos atendidos.

Texto: Vanessa Kannenberg
Edição: Vitor Necchi/Secom

estado.rs.gov.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui