Maior raio do mundo é registrado no Rio Grande do Sul

0
29
Raio de 709 quilômetros que atingiu o Rio Grande do Sul em 31 de outubro de 2018 foi reconhecido na quinta-feira (25/06) (Foto: Divulgação/OMM)

Um raio de 709 quilômetros que atingiu o Rio Grande do Sul em 31 de outubro de 2018 foi reconhecido na quinta-feira (25/06), pela Organização Meteorológica Mundial (OMM) como o mais extenso do mundo, ultrapassando o recorde anterior, registrado em Oklahoma, nos Estados Unidos, com 321 quilômetros.

A OMM também reconheceu o raio com duração mais longa, registrado na Argentina, em 04 de março do ano passado, com duração de 16,7 segundos. Ele também é mais que o dobro do recorde anterior, de 7,7 segundos registrado na França em 30 de agosto de 2012.

Ainda de acordo com a Organização Meteorológica Mundial, o registro só foi possível porque houve pregressos recentes em sistemas de satélites de observação que permitem mensurar continuadamente o comprimento e a duração dos relâmpagos nas extensões geoespaciais. A explicação é de Randall Cerveny, relator chefe do comitê de especialistas.

– Isso fornecerá informações valiosas para o estabelecimento de limites à escala de raios, incluindo megaflashes, para questões de engenharia, segurança e científicas. É provável que ainda existam extremos ainda maiores e que possamos observá-los à medida que a tecnologia de detecção de raios melhorar – disse Randall Cerveny.

Fonte: Canal Rural

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui