90% dos casos de coronavírus no Brasil podem ser atendidos nos postos de saúde

0
297

Mais de 42 mil postos de saúde espalhados pelo país são capazes de atender 90% dos casos de coronavírus. Estudos indicam que a grande maioria dos casos de Covid-19 são mais leves e poderiam ser atendidos na Atenção Primária. A população pode buscar os serviços quando apresentar os sintomas iniciais do vírus, como febre baixa, tosse, dor de garganta e coriza. Para isso, o Ministério da Saúde está reforçando ainda mais a capacidade assistencial da Atenção Primária durante a emergência do coronavírus.

Para o secretário executivo do Ministério da Saúde, os serviços na Atenção Primária estão preparados para enfrentar a epidemia de coronavírus. – A priorização da Atenção Primária foi acertada e deixou o país mais forte para enfrentar a circulação do coronavírus no Brasil – destacou João Gabbardo.

Uma das ações de reforço na Atenção Primária é a alteração de alguns critérios do ‘Saúde na Hora’ para facilitar a adesão dos municípios ao programa que estende o horário de atendimento dos postos de saúde. Atualmente, cerca de 1.520 postos de saúde já participam do programa, em 238 municípios. Com a nova medida, o Ministério da Saúde pretende ampliar o horário de funcionamento em mais de 5,2 mil unidades, em aproximadamente 1,5 mil municípios, ampliando a cobertura de atendimento para mais de 40 milhões de pessoas.

A secretária substituta de Atenção Primária à Saúde, Caroline Martins, reforçou que se dará prioridade à homologação de municípios que já possuem casos confirmados de coronavírus. – Neste momento serão priorizadas as regiões em que identificamos uma possível expansão da epidemia, em que os casos de coronavírus apresentam maior circulação e podem aumentar significativamente – explicou Caroline Martins.

FONTE: Ministério da Saúde

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui