Partiu Estudar: definidos os valores individuais do auxílio transporte a estudantes

0
128

Foi publicado nesta segunda-feira, 06, o edital com o resultado final de aprovados a receber o auxílio e valores pelo Programa Auxílio Transporte a Estudantes de Ensino Médio (cursos de nível técnico) e Ensino Superior (universitário) referente ao primeiro semestre de 2022. O edital está na página oficial do Município www.tenenteportela.rs.gov.br.

Ao todo, 120 estudantes cumpriram todas as etapas e estão aptos a receber o recurso do programa batizado de “Partiu Estudar”. Somente oito inscrições não foram homologadas, por estarem em desacordo com os critérios estabelecidos na Lei Municipal 2.833/22, que estabeleceu o auxílio.

O Município destinou R$ 40 mil para este semestre. Quanto a divisão dos valores, o critério utilizado foi o seguinte: 30% do valor total (R$ 12 mil) foi dividido igualitariamente entre os 120 estudantes e 70% (R$ 28 mil) proporcionalmente conforme a quilometragem percorrida individualmente ao longo do semestre.

IMPORTANTE: O Município pretende iniciar nos próximos dias o repasse. Todos os estudantes deverão confirmar a chave PIX da conta indicada para depósito. Esta informação, que agilizará a operação, deverá ser repassada para a Secretaria de Educação, através do 3551 1310. Para aqueles que não possuem este sistema de pagamento instantâneo e não pretendem habilitá-lo, será feita a transferência bancária, o que deverá demorar mais alguns dias.

AVALIAÇÃO: Como esta é a primeira experiência com este novo modelo, alguns ajustes deverão ser feitos para o segundo semestre. É o que prevê o prefeito Rosemar Sala. Ele avalia positivamente a iniciativa destacando que o programa “democratizou o recurso público oportunizando que o benefício contemplasse também alunos dos cursos técnicos do ensino médio, além dos universitários”.

Conforme o prefeito, já estão sendo elaboradas alterações na Lei e para o segundo semestre o “Partiu Estudar” também deverá atender estudantes de cursos técnicos entre outras modalidades. Como mais estudantes deverão buscar o auxílio, a estimativa também é de que sejam aportados mais recursos para o programa.

A secretária de Educação, Cultura e Desporto, Gicelda Berghetti Denes, também considera o programa uma grande conquista para os portelenses que buscam a sua formação profissional em instituições fora do Município.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui