Brasil contabiliza 181.402 mortes pela Covid-19 desde o começo da pandemia

0
20
Pasta atualizou dados da pandemia neste domingo | Foto: Yahya Diwer / AFP / CP

O Brasil registrou 21.825 novos casos e 279 mortes pela Covid-19 neste domingo, segundo informações do Ministério da Saúde. Até o momento, o país totaliza 181.123 óbitos e 6.901.952 contaminados com a doença desde a primeira notificação da doença em território nacional.

Ao todo, 5.982.953 pessoas conseguiram se recuperar da doença no Brasil.

Plano de imunização
O ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Ricardo Lewandowski determinou neste domingo que o governo informe à corte a previsão de início e término da vacinação do Plano Nacional de Operacionalização da Imunização contra a covid-19 no prazo de 48 horas.

O Plano Nacional de Operacionalização da Imunização foi enviado ao STF pelo ministro da saúde, Eduardo Pazuello, na última sexta-feira.

Entre as diretrizes abordadas pelo documento, estão temas como:

• Situação epidemiológica;
• Definição da população-alvo;
• Vacinas covid-19;
• Farmacovigilância;
• Sistemas de informações;
• Operacionalização para vacinação;
• Monitoramento;
• Supervisão; e
• Avaliação.

Registro da vacina
A Pfizer e a Janssen (da Johnson e Johnson) solicitaram à Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) o certificado de boas práticas de fabricação das vacinas.

O pedido é mais um passo para que as farmacêuticas consigam a liberação para o registro das vacinas para imunização contra a Covid-19.

Se ambas conseguirem a validação dessa etapa, faltará apenas a aprovação do pedido de uso emergencial antes de receberem a chancela da Anvisa para iniciar a imunização da população.

O mesmo certificado já foi solicitado pelas fabricantes da AstraZeneca e da Sinovac, mas ainda não houve resposta da Agência.

Neste domingo, a Anvisa informou que a equipe técnica que foi à China inspecionar as fábricas das vacinas CoronaVac e da AstraZeneca já estão em solo brasileiro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui